domingo, 24 de maio de 2009

A hora da verdade...

Já há muito que alguém o deveria ter dito, assim, com toda a verdade!


3 comentários:

Nocturna disse...

Algum dia havia de aparecer alguém , que pusesse a «generala» no seu lugar.
Várias pessoas saem da TVI a dizer mal da forma como ela os entrevistou (maltratou), mas não tiveram coragem para lho dizer na cara.Medo? talvez. Ser a mulher do chefão dá algum poder.
Por tudo isso, palmas para Marinho Pinto.
Um abraço
Nocturna

Maria Manuel disse...

Não posso deixar de concordar contigo. Por isso mesmo, muito raramente é que vejo o jornal da TVI, sobretudo à sexta-feira. O lugar confortável que Manuela Moura Guedes ocupa, e no meu entender, só o ocupa por ser mulher de quem é e não por ser boa jornalista, faz com que se ache no direito de julgar quem quer que seja. A forma arrogante com que ela própria diz as notícias, com que entrevista (?) as pessoas só contribui para o mau jornalismo, e tal como disse Marinho Pinto, não abona nada em favor dos bons (sim porque há alguns bons jornalista) que existem naquela estação. Finalmente apareceu alguém, sem papas na língua, que lhe disse umas verdades que muita gente teve já vontade de lhe dizer. Tinha de ser do Norte carago!

Homem do Leme disse...

Nocturna,
é o exemplo da arrogância de quem se sente (e às vezes senta) no poder. Enfim...

Maria Manuel,
é verdade, tinha de ser do Norte, pois sim! Eu também muito raramente vejo o telejornal da TVI, que mais parece um daqueles programas de fazer chorar as pedras da calçada, cheios de desgraças e lamúrias, do que um programa de informação como se pretende que seja. O problema é que este tipo de mau jornalismo parece estar a ganhar adeptos... Confesso que oiço muito mais rádio do que vejo televisão, especialmente televisão portuguesa.

Um Abraço às duas e boas leituras!!!

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin